Home >>  Complicações, Dicionário  >>  O que é a gestação anembrionária?

O que é a gestação anembrionária?

gestação anembriónica, também conhecida como gravidez anembrionária ou óvulo cego acontece quando um óvulo fecundado se nidifica, normalmente às paredes do útero, mas não se desenvolve. Deste modo, bolsa amniótica aparece mas não o embrião.

gestação anembrionária normalmente ocorre no primeiro trimestre da gravidez, muitas vezes antes da mulher saber que está grávida.

As mais diversas razões podem levar o corpo da mulher  a abortar de forma espontânea.

Como saber se teve ou tem uma gestação anembrionária?

Uma gravidez anembrionária acontece logo no início da gravidez, os sintomas que são semelhantes a uma gravidez normal: menstruação atrasada  e teste de gravidez positivo.

É comum as mulheres pensarem que estão grávidas apenas porque os níveis do hormônio coriônico gonadotrófico (HCG) estão a aumentar, em consequência da placenta que continua a crescer mesmo sem o embrião.

Não existe nenhum diagnóstico conclusivo até que a ecografia confirme útero ou saco amniótico vazio.

O que causa um “óvulo cego”?

O óvulo cego ou gravidez anembrionária, que é responsável por metade dos abortos espontâneos no primeiro trimestre, costuma ser causado por problemas nos cromossomas.

O corpo da mulher reconhece a presença de cromossomas anormais no feto e de forma natural acaba com a gravidez, porque o feto não vai evoluir para um bebê saudável.

Como se pode prevenir uma gravidez anembrionária?

É muito difícil de prevenir o surgimento de um óvulo cego. É possível fazer testes genéticos, no caso de já terem passado por várias gravidezes falhadas.

É pouco provável uma mulher ter várias gravidezes anembriónicas.

Os médicos aconselham que após ter qualquer tipo de aborto espontâneo, que se espere de 1 a 3 ciclos menstruais regulares, até voltar a tentar engravidar.

Tags: , , , , , ,

Gostou deste post?
Gostaria de manter-se atualizada(o)?